O poder do pós-venda e do feedback na hotelaria

amamos-pitaco

O PODER DO PÓS-VENDA E DO FEEDBACK NA HOTELARIA

É muito fácil ser simpático, atencioso e eficiente, só até o momento de receber o pagamento. Difícil é manter a satisfação do cliente mesmo depois de os requisitos do contrato já terem sido cumpridos. Porém, é um erro bem crítico acreditar que esse momento de pós-venda não tem tanta relevância assim, especialmente na hotelaria.

De acordo com o site EXAME, inúmeros especialistas em marketing afirmam constantemente que manter um cliente fidelizado pode ser de 5 a 10 vezes mais barato do que conquistar um novo.

Até por que, convenhamos, o cliente é o integrante mais completo da equipe de uma hospedagem. Atua simultaneamente como inspetor de qualidade, consultor de melhorias e promotor de vendas. Vai querer dispensar um colaborador desse? O mínimo que se pode fazer, é retribuir à tal dedicação com uma prestação de serviços que supere suas expectativas.

E qual seria a melhor maneira de fazer isso? Ouvindo o que eles têm a dizer. O feedback do público-alvo é a ferramenta mais poderosa de administração. Cada
reclamação pode ser vista como uma oportunidade de melhoria e cada elogio como uma identificação de pontos fortes a serem potencializados e divulgados com mais intensidade.

Vale lembrar ainda que toda opinião traz a chance de conhecer as preferências do indivíduo em questão e distinguir as personas que compõem o determinado público-alvo. Eis um quesito que ajuda a agradar cada vez mais os consumidores já fidelizados e permite atingir de maneira mais assertiva os clientes em potencial.

Outra questão que intensifica a necessidade de um pós-venda de qualidade é a crescente onda de compartilhamento de experiências, característica da Era Digital. As redes sociais e os sites ou aplicativos de avaliação têm formado uma base praticamente essencial para as tomadas de decisão dos consumidores atuais.

É, de fato, muito mais seguro optar por uma acomodação bem avaliada, com comentários positivos e boas recomendações. Até mesmo as críticas levantadas, quando respondidas adequadamente pelos representantes da empresa, ajudam a demonstrar o comprometimento e a eficiência da equipe. Reconhecendo a importância do avaliador e transmitindo segurança aos futuros hóspedes.

Portanto, é essencial ter profissionalismo e integridade para resolver problemas, esclarecer dúvidas e receber críticas construtivas mesmo se o dinheiro já estiver depositado na conta. Pois, cliente insatisfeito pode até pagar, mas não volta e com certeza não recomenda. Muito pelo contrário, aliás. Uma má reputação se propaga rapidamente, e uma lucratividade desonesta tem tudo para se tornar um prejuízo irreversível.

Por isso, a equipe da Pousada Cheverny faz questão de manter uma parceria honesta e duradoura com cada visitante. Não queremos que o fim de uma estadia represente o fim do nosso contato e comprometimento. Queremos um relacionamento sério com você!

Fonte:

https://exame.abril.com.br/pme/por-que-investir-mais-nos-clientes-atuais-do-que-em-novos/
http://www.ibccoaching.com.br/portal/importancia-do-servico-pos-venda-na-relacao-com-o-cliente/
http://www.featuresdesign.com.br/blog/o-poder-das-reviews-na-hotelaria/